Siga nas redes

Olá, o que você está procurando?

#TRETA NEWS

Após lançamento Valores a Receber (SVR) com 8 bilhões de reais ‘esquecidos’, o Banco Central suspende temporariamente o serviço

A ferramenta que foi lançada pelo Banco Central teve tanta adesão, o qual acarretou a necessidade de ser suspensa temporariamente; confira

Em menos de 24 horas no ar, o Sistema de Valores a Receber (SVR) do Banco Central (BC) possibilitou 8,5 mil solicitações de devolução de dinheiro ‘esquecido’ nos bancos, no total de R$ 900 mil. Os recursos serão transferidos via Pix em até 12 dias úteis.

Banco Central lançou uma ferramenta que tem a expertise de encontrar dinheiro que é seu e você nem sabia, todavia, essa ferramenta teve tanto acesso, que o BC teve que suspender temporariamente seu serviço.

Essa funcionalidade permitirá ao usuário (população) saber se há dinheiro a receber de alguma instituição financeira do país. Essa funcionalidade estará liberada também, para empresas.

Foi realizado um levantamento pelo Banco Central e ficou comprovado que existe cerca de R$ 8 bilhões sob a posse de grandes instituições financeiras, que necessitam de serem reembolsadas a pessoas físicas ou jurídicas. No Registrato é demonstrado a funcionalidade “Valores a Receber”, no link: “Minha Vida Financeira”

Em nota, o BC disse que suspendeu temporariamente o acesso ao sistema para estabilizar o sistema e as páginas do Banco Central, do Registrato e do site “Minha Vida Financeira”.

Nesta primeira fase, R$ 3,9 bilhões estarão disponíveis para 28 milhões de pessoas ou empresas. Segundo o BC, 79 mil pessoas conseguiram consultar o SVR desde segunda-feira.

“Essas demandas representam um pequeno primeiro passo frente ao potencial de R$ 3,9 bilhões e 28 milhões de CPF e CNPJ nessa primeira fase. O BC está trabalhando para retomar o SVR o mais rapidamente possível para que esse valor possa ser transferido para os cidadãos”, disse em nota.

Sobre a suspensão da ferramenta:

Em nota, o Banco Central anunciou que “O lançamento do Sistema Valores a Receber (SVR) gerou demanda de acessos muito acima do esperado, o que provocou instabilidade em sua página e também nos sites do BC, do Registrato e Minha Vida Financeira”. Dessa forma, afim de estabilizar esses sites, o Banco Central Suspendeu temporariamente o acesso ao SVR.

Portanto, alegou que está trabalhando para que o funcionamento dos sites seja normalizado o mais breve possível e também para o retorno do SVR. De qualquer forma, as informações de atualizações serão transmitidas nos canais do BC.

+NEWS

#DROP NEWS

Confira quais as novas funcionalidades e saiba se porá em risco os cartões de créditos

#DROP NEWS

Até abril, somente R$ 3,93 bilhões foram recuperados, de um total de R$ 11 bilhões esquecidos, conforme dados do Banco Central

#DROP NEWS

Veja como consultar seus valores diretamente no site do BC de forma segura

#TRETA NEWS

A nova plataforma do Banco Central permitirá consultar valores esquecidos em bancos ou instituições financeiras; confira Nesta segunda-feira (14), voltou a funcionar o sistema...

#TRETA NEWS

O vazamento de dados poderá acarretar várias sanções para a empresa como multas, suspensão ou até exclusão Ontem dia (03), foi noticiado que, dados...

Não copie, compartilhe o link