Siga nas redes

Olá, o que você está procurando?

#TRETA NEWS

Jovem é executado com mais de dez tiros no bairro de Nova Carapina

Os moradores da região ouviram os diversos tiros e procuraram abrigo, assim não souberam passar mais informações

Na noite da última segunda-feira (08), um jovem de 28 anos, identificado como Walter Alberto dos Santos, vulgo “Waltin” (foto), foi executado com mais de dez tiros, na rua Itambacuri, no bairro Nova Carapina I, na cidade da Serra.

De acordo com informações da equipe da Polícia Militar (PMES) que atendeu a ocorrência, por volta das 22 horas a vítima estava passando pela rua Itambacuri, quando foi surpreendida pelo atirador.

  • Se inscreva no canal do Serra Noticiário no Youtube e fique conectado nos vídeos! Clique aqui!

Conforme análise preliminar da perícia, Walter foi baleado com onze disparos de arma de fogo, atingindo a cabeça, o tórax e as pernas.

Devido aos ferimentos, a vítima morreu no local. Logo em seguida, a equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi ao local e confirmou o óbito. Uma equipe da Polícia Militar também foi até o local e conversou com alguns moradores da região.

  • Entre no nosso grupo Serra Noticiário no WhatsApp e fique ligado nas tretas que acontecem na Serra! Vagas limitadas Clique aqui

Bastidores SN

A apuração de bastidor trouxe à tona uma realidade distinta daquela divulgada inicialmente. O jovem Walter era muito querido entre amigos, não estava envolvida com as atividades obscuras do movimento, era apenas usuário de drogas. Segundo mais informações, ele supostamente vinha cometendo pequenos furtos na comunidade. Entretanto, ao puxar a capivara da vítma na Secretaria de Segurança Pública (SESP), nada constou contra ele.

Testemunhas do crime

Conforme informações das testemunhas, eles ouviram os tiros, mas não viram como Walter foi morto nem quem o assassinou. Além dos moradores, uma mulher que se identificou como mãe da vítima estava no local e disse que foi uma das primeiras pessoas a chegar à rua após o homicídio.

Os militares questionaram se ela sabia a motivação do assassinato de seu filho, porém ela disse não saber nem o motivo nem a identidade do possível autor do crime. Em seguida, o corpo da vítima foi encaminhado para o Departamento Médico Legal (DML) de Vitória, onde, após ser necropsiado, será liberado para os familiares.

Os militares realizaram um patrulhamento pela região atrás do criminoso, mas não obtiveram sucesso em encontrar o atirador. A Polícia Civil informou que o caso seguirá sob investigação da Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Serra.

Sabe de alguma coisa?

A Polícia Civil sempre destaca que a população tem um papel importante nas investigações e pode contribuir com informações de forma anônima através do Disque-Denúncia (181) ou do perfil oficial da Delegacia de Homicídios Serra no Instagram: @DHPP.Serra

O anonimato é garantido e todas as informações fornecidas são investigadas

Jovem é executado no meio da rua e assusta moradores no bairro Nova Carapina

+NEWS

#TRETA NEWS

Durante a ação, além do criminoso procurado, os militares detiveram outro sujeito armado e apreenderam grande quantidade de drogas

#TRETA NEWS

As câmeras de segurança da região flagraram o casal fugindo da cena do crime. A PC procura uma terceira pessoa acusada de alugar a...

#DROP NEWS

O acidente trata-se de uma simulação organizada pelo SAMU com o objetivo de conscientizar a todos sobre a segurança no trânsito

#TRETA NEWS

Os vizinhos da vítima ligaram para a PM e pediram ajuda para a mulher, que já teria sido agredida em outras ocasiões

#TRETA NEWS

O caso intrigou os moradores da região, que encontraram dois corpos com marcas de disparo de arma de fogo dentro de um veículo

#TRETA NEWS

Os funcionários que trabalham na recepção estão preocupados com a retirada das grades de proteção das unidades de saúde

#TRETA NEWS

O condutor baleado foi levado para o pronto-socorro de um hospital no município com uma fratura exposta na perna

#TRETA NEWS

A perseguição, que começou com o sujeito fugindo em um guincho, terminou com o ele resistindo à prisão e dando trabalho para os militares


Não copie, compartilhe o link