Siga nas redes

Olá, o que você está procurando?

#DROP NEWS

Prefeitura da Serra facilita pedidos de remoção de veículos abandonados na cidade

Confira como realizar pedidos de retirada de veículos abandonados de forma totalmente digital através do portal eletrônico da prefeitura

Prefeirura da Serra unifica pedido de serviço de remoção de veículos abandonados na cidade.

A Prefeitura da Serra implementou um método centralizado e eficiente para a solicitação de remoção de veículos abandonados, proporcionando maior comodidade aos moradores.

O processo, agora unificado, é gerenciado exclusivamente pelo portal eletrônico “Prefeitura sem Papel”, acessível pelo link: (Portal Prefeitura Sem Papel). Essa mudança visa simplificar e agilizar as solicitações dos cidadãos, além de melhorar a administração das demandas diárias.

  • Se inscreva no canal do Serra Noticiário no Youtube e fique conectado nos vídeos! Clique aqui!

Como realizar o pedido

Para realizar um pedido de remoção, os cidadãos devem seguir o seguinte procedimento: entrar no Portal Prefeitura Sem Papel, selecionar “Novo processo eletrônico”, escolher a opção Secretaria de Defesa Social (SEDES) e, por último, encontrar e clicar no item “Remoção de veículos em estado de abandono”.

Durante o cadastro, é necessário fornecer detalhes como cor, marca, localização e condição do veículo. Anteriormente, essas solicitações podiam ser feitas via ouvidoria ou WhatsApp, mas a centralização em um canal digital único promete maior eficiência e organização.

  • Entre no nosso grupo Serra Noticiário no WhatsApp e fique ligado nas tretas que acontecem na Serra! Clique aqui

Conforme Rodrigo Lemos, chefe da divisão de fiscalização do Departamento de Operações de Trânsito (DOT), a mudança é muito importância. Dessa forma, ele destaca que métodos mais rápidos e eficientes são cruciais para a fiscalização dos veículos, impactando positivamente tanto a segurança pública quanto a sanitária. A nova metodologia garante consistência no processo, com prazos claros e definidos.

Além disso, a remoção rápida de veículos abandonados é vital, especialmente em períodos de aumento de casos de dengue. Veículos em estado de degradação podem acumular água da chuva, favorecendo a proliferação do mosquito transmissor da doença.

Veículos abandonados

Um veículo é considerado abandonado se estiver estacionado por mais de 30 dias ininterruptos ou se mostrar sinais claros de abandono ou incapacidade de locomoção por mais de 15 dias. Em situações que representem riscos à saúde ou obstáculos ao trânsito, a remoção é imediata. Nos outros casos, o veículo é notificado e recebe um prazo para ser retirado pelo proprietário. Se não for removido, o veículo é levado a um pátio conveniado, onde o dono tem 90 dias para resgatá-lo após resolver pendências. Caso contrário, o veículo então, será leiloado em Hasta Pública.

Prefeitura da Serra implementa Botão do Pânico em 145 escolas municipais para reforçar segurança

+NEWS

#DROP NEWS

De acordo com a Prefeitura da Serra, o projeto tem previsão de término de seis meses e contará com diversas melhorias inclusivas

#BRONCA NEWS

O local é administrado pela Prefeitura da Serra e vem sendo alvo de reclamações devido ao abandono. Entretanto, há uma promessa de revitalização do...

#BRONCA NEWS

Com a chegada dos agentes, os pacientes ficaram ainda mais irritados. A Prefeitura da Serra foi procurada para esclarecer a confusão

#DROP NEWS

O município não apresentou um plano de Mobilidade Urbana; por essa razão, não vai receber recursos federais destinados a obras nessa área

#OPORTUNIDADES

Confira tudo sobre o curso e como se inscrever de forma simples; mas corra, as vagas estão disponíveis por tempo limitado

#DROP NEWS

De acordo com a prefeitura, a obra que custou mais de R$ 100 milhões promete melhorar significativamente o tráfego na região

#DESTAQUE

Não perca a oportunidade de receber atendimento para vários serviços em um único local. Confira a data e endereço e não fique de fora!

#TRETA NEWS

Segundo o TSE, além de enfrentar multas, a pessoa que divulga uma pesquisa eleitoral fraudulenta também pode ser responsabilizada criminalmente


Não copie, compartilhe o link